ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS NO JOGO DAS CONQUISTAS: UM ESTUDO SOBRE O CADERNO VESTIBULAR/ZH

Roberto Rafael Dias da Silva

Resumo


O presente artigo apresenta resultados parciais de uma investigação em Educação, que opera com a perspectiva de que é no jogo do liberalismo contemporâneo, no qual as relações entre trabalho e educação são lidas em uma lógica empresarial, que os sujeitos estudantes universitários passam a constituírem-se desde um conjunto de estratégias articuladas a uma dinâmica concorrencial, de forma que o estar na universidade começa a ser entendido como uma conquista individual, pois, nesta ordem, os sujeitos tornam-se os responsáveis pelo seu sucesso ou seu fracasso no mercado de trabalho. O caderno Vestibular/ZH é um dos espaços que potencializa e visibiliza algumas dessas estratégias de governamento dessa população.

Palavras-chave: Governamentalidade neoliberal. Estudantes universitários. Vestibular/ZH.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25112/rp.v2i0.650

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


............................................................................................................................................................................................................................

ISSN versão impressa: 1807-1112 
ISSN versão eletrônica: 2448-1939

Licença Creative Commons
A Revista Prâksis segue os critérios da Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Prâksis - Universidade Feevale (Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil).

............................................................................................................................................................................................................................
 
Desde 16/08/19