EDUCAÇÃO AMBIENTAL COMO DIMENSÃO DO PROCESSO EDUCATIVO-PEDAGÓGICO: JUÍZOS, MOTIVAÇÕES, AÇÕES E REFLEXÕES COTIDIANAS COMO FUNDAMENTO DA PRÁXIS DOCENTE

Marília Torales

Resumo


Este artigo trata de focalizar a inserção da Educação Ambiental no cenário educativo-escolar a partir da interpretação e da decisão pedagógica dos professores. A visão dos professores aporta numerosas contribuições à possibilidade de compreender os fenômenos que ocorrem no interior das instituições educativas, tendo em vista que os professores e as professoras possuem suas próprias referências, experiências e história pessoal. A práxis dos professores em relação à temática ambiental é o objeto desta análise. Convém apontar que pretende abordar a práxis docente em relação à temática ambiental como fundamento empírico, mas, sem esquecer que a docência é um conjunto mais amplo e de implicações diversas, na qual se insere a Educação Ambiental como uma dimensão do processo educativo e, portanto, balizado pelas bases teórico-epistemológicas da educação e do campo ambiental.

Palavras-chave: Educação ambiental. Decisão pedagógica. Práxis docente.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25112/rp.v1i0.636

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


............................................................................................................................................................................................................................

ISSN versão impressa: 1807-1112 
ISSN versão eletrônica: 2448-1939

Licença Creative Commons
A Revista Prâksis segue os critérios da Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Prâksis - Universidade Feevale (Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil).

............................................................................................................................................................................................................................
 
Desde 16/08/19