NÃO PODERÁ EM TEMPO ALGUM, NEM POR NENHUMA CIRCUNSTÂNCIA, SERVIR AOS MEUS DESCENDENTES. IMIGRAÇÃO ALEMÃ E ESCRAVIDÃO NO BRASIL MERIDIONAL (PORTO ALEGRE, RS, SÉC. XIX)

Paulo Roberto Staudt Moreira

Resumo


A intenção deste artigo é investigar as relações entre os imigrantes alemães e a escravidão no espaço de Porto Alegre (RS), na segunda metade do século XIX. Centraremos nossa análise na concessão de alforrias, usando estes documentos como pistas das experiências sociais compartilhadas por teutos e os cativos da capital da província de São Pedro do Rio Grande do Sul.
Palavras-chave: Escravidão. Imigração. Liberdade. Agência.

Abstract
The intention of this article is to investigate the relations between German immigrants and slavery in the space of Porto Alegre (RS), in the second half of the nineteenth century. We will focus our analysis on the granting of manumission, using these documents as clues to the social experiences shared by teutos and the captives of the capital of the province of São Pedro do Rio Grande do Sul.
Keywords: Slavery. Immigration. Freedom. Agency.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25112/rpr.v1i0.1718

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


............................................................................................................................................................................................................................

Image and video hosting by TinyPic

............................................................................................................................................................................................................................

ISSN versão impressa: 1807-1112 
ISSN versão eletrônica: 2448-1939

Licença Creative Commons
A Revista Prâksis segue os critérios da Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Prâksis - Universidade Feevale (Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil).