AS RELAÇÕES ENTRE MODA E MÚSICA OBSERVADAS PELO VIÉS DO MOVIMENTO GRUNGE

Marianna Pires, Bruna Ruschel Moreira

Resumo


Este artigo objetiva a reflexão sobre possíveis relações entre moda e música, destacando o movimento musical grunge, surgido na década de 1990, em Seattle, de forma que busca identificar as possíveis influências na moda, por meio de vestimentas usadas pelos integrantes do movimento. Neste estudo, é destacada a banda Nirvana – significativa representante do movimento grunge – com o objetivo de comparar suas vestimentas com as coleções criadas por estilistas que se inspiraram na estética grunge no desenvolvimento de suas coleções. São analisados os trabalhos dos estilistas Marc Jacobs, Juliana Jabour, e Dries Van Noten, além do trabalho da marca britânica Marques’ Almeida, nas décadas de 1990 e 2000. Assim, procurou-se evidenciar a teoria da ebulição, mencionada por Doris Treptow (2005), e verificar que estilos alternativos originários das ruas podem elevar-se na camada social, sendo trabalhados através do viés do luxo. Nesse sentido, entende-se a moda e a música como manifestações da cultura e enquanto formas de comunicação, de maneira que este artigo pretende contribuir com estudiosos de moda, música e áreas inter-relacionadas, considerando o caráter interdisciplinar da moda.
Palavras-chave: Moda. Música. Identidade. Grunge.

ABSTRACT
This article aims the reflection on possible relationships between fashion and music, highlighting the Grunge Musical Movement, emerged in the 1990s in Seattle, so that search to identificate possible influences on fashion, through the clothing worn by the members of the Movement. In this study, is highlighted the band Nirvana – a significant representative of the Grunge Movement – with the aim of comparing their clothes with collections created by stylists inspired by the Grunge aesthetics in their collections development. Thereby, it was tried to evident the Bubble-Up Theory, mentioned by Doris Treptow (2005), and check that alternative styles originating from the streets can elevate themselves in the social layer, being worked through the bias of the luxury. In this sense, fashion and music are understood as manifestations of culture and as forms of communication, that way this article intends to contribute with scholars of fashion, music and interrelated areas, considering the interdisciplinary character of fashion.
Keywords: Fashion. Music. Identity. Grunge.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25112/rpr.v2i0.1239

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


............................................................................................................................................................................................................................

ISSN versão impressa: 1807-1112 
ISSN versão eletrônica: 2448-1939

Licença Creative Commons
A Revista Prâksis segue os critérios da Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Prâksis - Universidade Feevale (Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil).

............................................................................................................................................................................................................................
 
Desde 16/08/19