A IMIGRAÇÃO ALEMÃ E A CONCEPÇÃO DE TRABALHO NO VALE DOS SINOS

Déborah Kuntze Cassel, Gabriela Schmidt Moreira, Denise Macedo Ziliotto

Resumo


A partir de elementos históricos da imigração alemã no Vale do Rio dos Sinos a partir de 1824, buscase o entendimento da concepção de trabalho presente nesta cultura, pois, verifica-se importante ressonância destas idéias nos valores e conceitos da sociedade ainda hoje. A discriminação social vivida pelos desempregados e o juízo comum de que é incapaz ou pouco esforçado aquele que não consegue emprego são situações que evidenciam a complexidade desta temática. A pesquisa bibliográfica analisa relatos históricos, a situação do trabalho no contexto mundial e pontua os reflexos da crise do emprego na região do Vale do Rio dos Sinos. O elevado número de falências, dissolução e compra de empresas é um movimento constante desde 1996, quando da primeira crise enfrentada pelo setor calçadista – principal economia da região – causando aumento do desemprego e mudanças nas condições sociais dos trabalhadores. A forte influência da religião luterana, que prega a dignidade do ser humano através do labor, é abordada ampliando a compreensão da questão do valor do trabalho. A presença da religiosidade se faz sentir, também de forma marcante, na educação e no exercício da política, dimensões culturais que também interagem e constroem a dimensão do trabalhar na sociedade.

Palavras-chave: imigração alemã – concepção de trabalho – desemprego – Vale dos Sinos


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25112/rp.v1i0.542

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


............................................................................................................................................................................................................................

ISSN versão eletrônica: 2448-1939
ISSN versão impressa: 1807-1112 

Licença Creative Commons
A Revista Prâksis segue os critérios da Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Prâksis - Universidade Feevale (Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil).