A EXTINÇÃO DE EMPRESAS DO COMÉRCIO VAREJISTA DE CANOAS: ASPECTOS RELACIONADOS À DEMANDA DE MÃO-DE-OBRA

Judite Sanson de Bem, Nelci Maria Richter Giacomini

Resumo


As micro e pequenas empresas no Brasil representam uma parcela significativa no que se refere ao número de unidades produtivas, à criação de empregos, ao fornecimento de bens e serviços para o mercado interno e, dessa forma, contribuindo para o desenvolvimento regional. Apesar de sua influência no mercado, observa-se, sobretudo no comércio varejista, que há um crescente número de empresas que encerram suas atividades em decorrência do desconhecimento de mercado, inclusive de aspectos primários, como custos com a mão-de-obra. Utilizando-se das metodologias descritiva, revisão bibliográfica e pesquisa empírica, na forma de aplicação de questionários, em empresas extintas, o trabalho propõe-se a apresentar: a evolução do número de empresas constituídas e extintas no RS e Canoas, salientando o Comércio Varejista deste último a partir de 2000; algumas causas que levaram à mortalidade dessas empresas; proposição de ações e melhorias para o desenvolvimento e a manutenção do comércio local. Concluiu-se que as empresas do comércio varejista canoense apresentam fragilidades decorrentes de fatores de ordem estrutural, como, por exemplo, a proximidade com Porto Alegre, a falta de conhecimento do mercado, por parte dos empresários, a baixa escolaridade destes, requisitos relativos à demanda por mão-de-obra e outros encargos tributários.

Palavras-Chave: Canoas. Comércio Varejista. Constituição e Extinção das Empresas. Demanda por Mão-de-Obra.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25112/rgd.v4i1.863

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


............................................................................................................................................................................................................................

Principais indexadores:

Web of Science          Redalyc          Periódicos da Capes          Redib          Doaj          Ebsco          Erihplus          Latindex

............................................................................................................................................................................................................................

ISSN versão impressa: 1807-5436
ISSN versão eletrônica: 2446-6875

Licença Creative Commons
A Revista Gestão e Desenvolvimento segue os critérios da Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Gestão e Desenvolvimento - Universidade Feevale (Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil).

............................................................................................................................................................................................................................
 
Desde 15/08/19