O DIREITO E O GERENCIAMENTO DOS RISCOS AMBIENTAIS

Délton Winter de Carvalho

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo a descrição das espécies de riscos produzidos pela sociedade contemporânea e suas repercussões ambientais. A partir da constatação de que existem duas espécies de riscos na Sociedade (concretos e abstratos), pode ser dito que suas consequências ambientais são assimiladas pelo Direito Ambiental a partir da autonomização entre os Princípios da Prevenção e da Precaução, como programas diversos para orientar a gestão dos riscos concretos e abstratos, respectivamente. Como exemplo privilegiado dos riscos ambientais abstratos e de sua gestão, trabalhamos as questões pertinentes às novas tecnologias, das quais destacamos a biotecnologia.

Palavras-Chave: Direito Ambiental. Risco Ambiental. Biotecnologia. Sociedade de Risco.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25112/rgd.v4i1.866

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


............................................................................................................................................................................................................................

Image and video hosting by TinyPic
............................................................................................................................................................................................................................

ISSN versão impressa: 1807-5436
ISSN versão eletrônica: 2446-6875
 

Licença Creative Commons
A Revista Gestão e Desenvolvimento segue os critérios da Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Revista Gestão e Desenvolvimento - Universidade Feevale (Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, Brasil).